Casa sustentável de EPS de 60m² é apresentada na Construexpo 2022

Busca por materiais que geram zero descarte nas obras levou o Grupo Isorecort a lançar linha completa para construção de casas, comércios e galpões em “isopor”

São Paulo, 09 de setembro de 2022 – O Grupo Isorecort, especializado na fabricação de peças em EPS, apresenta na Construexpo 2022 sua linha completa de soluções em EPS para a construção civil. E para demonstrar como é possível construir casas, galpões e também escritórios de “isopor” (como o EPS, ou poliestireno expandido, é popularmente conhecido), com zero descarte de materiais, a empresa terá uma casa de 60 m² na feira de construção, que acontece de 15 a 18 de setembro, em Atibaia (SP), com entrada gratuita. 

Além da casa em EPS (“isopor”), um pórtico em EPS dando as boas-vindas aos visitantes, a escada e as molduras em EPS também serão expostas. Na área de palestras, a Engenheira do Grupo, Karen Peroni Maia, falará sobre as soluções construtivas inovadoras e sustentáveis no dia 17/09, às 14h.

“Com a evolução do mercado da construção civil e a busca por materiais resistentes, seguros e sustentáveis, que possibilitem economia ao projeto, surgiu o sistema Monopainel. Na Construexpo 2022, apresentamos nosso portfólio voltado às necessidades dos construtores de casas sustentáveis e econômicas, a partir de projetos totalmente personalizados”, afirma Rodrigo Rezende, Gerente Administrativo do Grupo Isorecort.

O catálogo da empresa 100% brasileira contempla desde painéis monolíticos (paredes) e escadas até painéis de fechamento, painéis de laje, painéis curvos e painéis de canto. A indústria também desenvolve fechamentos de shaft, molduras, lajotas, núcleos para telhas termoacústicas, placas para isolamento termoacústico, forros e canaletas para a confecção das vigas baldrame. 

A linha Monopainel® é constituída pelas seguintes soluções construtivas:

Painel estrutural – painel monolítico que desempenha simultaneamente as funções estrutural e de vedação. O sistema assegura uma redução média de 1/3 no tempo da execução e 30% de economia no custo final da obra. Ele possui desempenho testado e comprovado por meio de ensaios técnicos em laboratórios especializados.

Painel de fechamento – painéis de fechamento que não apresentam função estrutural, ou seja, devem ser empregados apenas com a função de vedação. Para diferenciá-los dos painéis estruturais, estes painéis apresentam ondulações na superfície.

Painel de canto – o painel de canto é um produto patenteado do Grupo Isorecort e tem como principal função estruturar e facilitar a montagem das placas, servindo como base, e contribuindo para o ajuste da geometria, prumo e alinhamento, garantindo maior rigidez ao sistema durante a fase de montagem.

Painel laje – os painéis laje unidirecionais em EPS apresentam quatro alturas padronizadas e encaixe macho-fêmea na direção longitudinal, o que facilita a montagem em campo, além de eliminar a necessidade de uso das vigotas treliçadas, garantindo melhor desempenho térmico ao pano de laje.

Painel curvo – os painéis curvos apresentam três raios de curvatura padronizados. Contudo, eles podem ser customizados de acordo com as necessidades do projeto. 

Escadas em EPS – por ser fabricada em um material leve, a escada em EPS exige uma estrutura de sustentação menor que as escadas convencionais, sem gerar resíduos como recortes de madeira, por exemplo. A solução foi desenvolvida para ser instalada tanto isoladamente quanto em conjunto com as paredes e pode ser utilizada em qualquer construção, seja ela de Monopainel® ou de outros sistemas construtivos, trazendo agilidade e precisão na confecção de escadas. “É uma solução compatível com outros tipos de edificação, que pode ser aplicada em sistema misto para reformas ou ampliações, substituindo os tijolos cerâmicos ou blocos de concreto”, explica a Engenheira.

Já no âmbito da engenharia de solos, o Grupo fabrica GeoSolution – blocos estruturais maciços fabricados a partir do polímero poliestireno expandido (EPS) de maior densidade. Eles são empregados na substituição de aterro convencional e na proteção de estruturas enterradas e redução de empuxos, entre outras demandas geotécnicas.

Resistência e sustentabilidade

As sobras coletadas do processo de fabricação dos produtos do Grupo são recicladas internamente, sem gerar o descarte de resíduos. A companhia implementou um sistema de logística reversa junto aos seus clientes, cooperativas credenciadas e parceiros, promovendo a conscientização ambiental e o reaproveitamento do material.

Composto por 98% de ar e apenas 2% de matéria-prima, o EPS é resistente a altas temperaturas e atua como isolante térmico. Mesmo sendo um material leve, ele consegue suportar altas cargas distribuídas e altos níveis de empilhamento, dependendo da sua densidade, que pode variar do tipo 1F (10 kg/m³) a 8F (48 kg/m³), seguindo a norma da ABNT NBR 11752 e conforme a necessidade específica do cliente.

Mais informações podem ser encontradas em www.isorecort.com.brwww.monopainel.com.br e www.geosolution.com.br.

Serviço: 

Grupo Isorecort na Construexpo 2022

Data: 15 a 18 de setembro

Local: Avenida Jerônimo de Camargo, 6308 – Atibaia (SP), próximo à Rodovia Fernão Dias, atrás do Atacadão)

Horários: Horário: das 10hs às 20hs dias 15 e 16 (quinta-feira e sexta-feira), dia 17 (sábado), das 10hs às 19hs e no dia 18 (domingo) das 10hs às 17hs.

Estande: Isorecort – Mundo da Construção Sustentável 

Entrada: Gratuita, com inscrição prévia pelo site www.construexpo.com.br

Estacionamento: No local (R$ 15,00)

Sobre o Grupo Isorecort – Um dos principais transformadores de EPS (isopor) do país. É líder de mercado no segmento da construção civil e no desenvolvimento de peças técnicas para aplicações industriais. Fundado há mais de 15 anos, está presente nos estados de São Paulo e Minas Gerais, atendendo clientes em todo o Brasil. Com Sistema de Gestão da Qualidade certificado pela ABNT NBR ISO 9001, o Grupo integra diversas entidades que visam ao desenvolvimento sustentável do setor, como a Comissão Setorial do EPS da Associação Brasileira das Indústrias Químicas (Abiquim) e o Comitê de EPS do Instituto Socioambiental dos Plásticos (Plastivida), além de ser a única empresa do segmento a ser membro do GBC Brasil (Green Building Council – Brasil), organização que tem por objetivo fomentar o desenvolvimento da indústria da construção sustentável no país, atuando de forma consciente na preservação do planeta.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha Plus loading…